A inovação digital transformou o nosso modo de viver

A rápida ascensão do comércio eletrônico e dos jogos on-line expressam como as empresas dependem do poder da internet e quais serviços elas esperam oferecer. A prova disso, segundo relatado pelo Departamento do Comércio dos EUA, é que o comércio eletrônico aumentou de US$ 461 bilhões em 2017 para US$ 602 bilhões em 2020; um aumento de 31%.

A rápida ascensão do comércio eletrônico e dos jogos on-line expressam como as empresas dependem do poder da internet e quais serviços elas esperam oferecer. A prova disso, segundo relatado pelo Departamento do Comércio dos EUA, é que o comércio eletrônico aumentou de US$ 461 bilhões em 2017 para US$ 602 bilhões em 2020; um aumento de 31%.

Por causa da velocidade com que o tráfego de usuários está crescendo, impulsionado pelo ritmo em que aplicações, fluxos de trabalho e transações precisam acontecer, muitas organizações tiveram que adotar um data center em hiperescala. Além disso, criou-se um número crescente dessas redes de alto desempenho usando infraestruturas avançadas de switching e roteamento.

Como resultado, soluções de segurança tradicionais estão sendo descartadas porque não podem oferecer proteção adequada devido às limitações de desempenho inerentes que resultam em afunilamentos no fluxo de trabalho e em uma experiência de usuário ruim. Em muitos casos, a segurança acaba sendo deixada de lado para favorecer a experiência do usuário, já que os dispositivos de segurança entrariam em colapso quando fossem usados para proteger o consumo de serviços on-line pelos usuários. Em vez disso, um número crescente de organizações precisou substituir a segurança em nível corporativo por VLANs e listas de controle de acesso de camada 4 para proteger seus ambientes de alto desempenho.

Do ponto de vista da segurança, isso pode ser desastroso. Essas alternativas oferecem poucos recursos para impedir que invasores “se disfarcem” de usuários legítimos, estabeleçam uma base e se movam lateralmente pela rede para ganhar acesso às credenciais, às aplicações e aos dados. Usando um método de ataque totalmente diferente, agentes nefastos também poderiam enviar volumes de solicitações para sobrecarregar um site. Com isso, os sites de comércio eletrônico e outros serviços on-line poderiam entrar em colapso, resultando em perda de receita, má reputação e, nos piores casos, fazer as organizações fecharem as portas de vez.

As organizações jamais deveriam ter que fazer a escolha impossível entre desempenho e proteção.

 

Interrupções podem causar desvios, mas a jornada para a inovação digital continua

Enquanto as organizações estavam remoendo esse conflito de escolha entre oferecer serviços on-line de alta velocidade para expandir os negócios ou reduzir as incertezas causadas pela falta de controles de segurança de alto desempenho, fomos atingidos por mais uma calamidade: a pandemia da COVID-19. Essas mesmas organizações tiveram que direcionar seus recursos para fornecer rapidamente uma força de trabalho remota massiva com tecnologias de VPN baseadas em criptografia. Foram iniciados planos de recuperação de desastres e continuidade dos negócios para manter os trabalhadores produtivos e aumentar a moral durante um período de incertezas.

No entanto, muitas organizações logo descobriram que seus firewalls (criados usando hardware de prateleira) não ofereciam escalabilidade e espaço de desempenho suficientes para inspecionar e proteger o grande número de conexões remotas que surgiu. Mesmo depois de pagar taxas elevadas de licenças e upgrades de VPN para escalar a conectividade, elas ainda precisaram instalar novos firewalls para lidar com as necessidades crescentes de escala e desempenho. Como resultado, duas das suas maiores preocupações com custo e complexidade acabaram sendo exacerbadas.

 

Mas um momento de crise também pode se tornar um momento de oportunidade

O resultado dessa transformação repentina das redes em todo o mundo é que agora os usuários podem colaborar com mais eficácia entre si, com os clientes e com parceiros, de maneiras nunca antes imagináveis. O uso de mídia avançada por streaming permite que as organizações entreguem conteúdo, colaboração e treinamento enquanto preservam a experiência do usuário. Esse é o novo “normal”.

No entanto, para aproveitar essa oportunidade, é preciso criar redes de desempenho ultra-alto, capazes de lidar igualmente bem com as necessidades de usuários internos e externos. Mas essas mesmas redes criam desafios de segurança que exigem uma abordagem que não é oferecida por firewalls comerciais tradicionais baseados em hardware.

 

Crie redes ultrarrápidas orientadas a segurança com o FortiGate 4200F

O poder para oferecer a segurança exigida pelas redes de hoje em dia só é possível usando hardware de finalidade específica. O mais recente processador de rede NP7 da Fortinet permite um desempenho astronômico e capacidade incomparável, tudo isso oferecido na plataforma de segurança mais econômica do setor, o FortiGate 4200F

O poder para oferecer a segurança exigida pelas redes de hoje em dia só é possível usando hardware de finalidade específica. O mais recente processador de rede NP7 da Fortinet permite um desempenho astronômico e capacidade incomparável, tudo isso oferecido na plataforma de segurança mais econômica do setor, o FortiGate 4200F

A aceleração de hardware do FortiGate 4200F é possibilitada pelo processador de rede de sétima geração da Fortinet, o NP7, que oferece uma classificação de computação de segurança de 5 a 15 vezes maior do que qualquer outra solução de segurança do mercado. Ele oferece, por exemplo, 15 vezes a média do setor com mais de 8 milhões de sessões por segundo.

O FortiGate 4200F também oferece a maior velocidade, escala e desempenho para grandes empresas e MSSP, possibilitando que os operadores móveis ofereçam segurança para proteger o mundo hiperconectado. Ele proporciona escalabilidade de 400 milhões de conexões de usuários de NAT de nível normal ou de operadora, oferecendo a maior classificação de computação de segurança, 14 vezes acima da média do setor.

O FortiGate 4200F também oferece a maior velocidade, escala e desempenho para grandes empresas e MSSP, possibilitando que os operadores móveis ofereçam segurança para proteger o mundo hiperconectado. Ele proporciona escalabilidade de 400 milhões de conexões de usuários de NAT de nível normal ou de operadora, oferecendo a maior classificação de computação de segurança, 14 vezes acima da média do setor.

 

Casos de uso essenciais do FortiGate 4200F

  • Organizações de serviços financeiros criando acesso remoto altamente escalável: nesse mundo em constantes mudanças, as organizações de serviços financeiros precisam habilitar uma força de trabalho remota que possa estar on-line sem demora e conduzir transações confidenciais que dependem de respostas em questão de microssegundos. Nesse cenário, a velocidade se converte em produtividade. O FortiGate 4200F oferece a maior classificação de computação de segurança do setor, de 10x para o desempenho criptografado por IPsec, permitindo que as organizações mantenham a continuidade dos negócios e, ao mesmo tempo, sustentem as operações contínuas.
  • Grandes empresas de manufatura e energia gerenciando riscos de segurança internos: é essencial abordar a superfície de ataque em expansão, especialmente nos ambientes em rede dinâmicos de hoje em dia, para proteger aplicações críticas que operam em infraestruturas confidenciais. Para oferecer acesso confiável a aplicações e manter a conformidade, é preciso que essas organizações segmentem suas redes em grande escala. Com uma classificação de computação de segurança de 5x para inspeção de SSL (incluindo TLS 1.3), o FortiGate 4200F entrega o melhor preço/desempenho do setor.
  • Fornecedores de comércio eletrônico e varejo eletrônico de alta velocidade que lidam com picos de conexão baseados em eventos: é indispensável gerenciar requisitos de capacidade nunca antes vistos e oferecer suporte a até dezenas de milhões de conexões de usuários por segundo nos ambientes corporativos virtuais de hoje em dia. Com uma classificação de computação de segurança de 14x para conexões por segundo, o FortiGate 4200F oferece segurança de alto desempenho para lidar com as necessidades crescentes sem comprometer a experiência do usuário. Além disso, com uma classificação de computação de segurança de 8x para funcionalidade do firewall, o FortiGate 4200F oferece proteção essencial para uma grande variedade de empresas on-line.
  • Organizações governamentais, de petróleo e gás e farmacêuticas avançadas que exigem suporte para fluxos de elefante. Os data centers de hoje precisam transferir com segurança conjuntos de dados massivos (p. ex., arquivos de 1 TB) para atividades como simulações de IA/ML usadas em pesquisa de ponta. O FortiGate 4200F permite a rápida transferência de grandes conjuntos de dados, oferecendo suporte a vários fluxos de elefante de 100 Gbps para que as organizações não precisem escolher entre desempenho e proteção.
  • Provedores de nuvem e grandes empresas que devem segmentar redes virtuais altamente escaláveis. Produtos de segurança típicos que usam soluções de LAN de extensão virtual (VXLAN) baseadas em software apresentam baixo desempenho e alta latência, o que aumenta o tempo de entrega do serviço. O FortiGate 4200F oferece VXLAN acelerada por hardware para possibilitar uma comunicação segura e ultrarrápida sem afetar o desempenho.

 

Continue em seu caminho rumo à inovação digital sem comprometer outros elementos com o FortiGate 4200F

Com seus recursos incomparáveis de escala, desempenho, aceleração e segmentação interna, velocidade e agilidade, os NGFWs do FortiGate 4200F equipado com NP7 oferecem às grandes organizações a capacidade de desenvolver e segmentar serviços, gerenciar riscos internos e externos, proteger transações de grandes volumes e preservar a experiência do usuário. O NP7 da Fortinet também prepara os appliances do FortiGate para o futuro, possibilitando uma segurança ágil e de alto desempenho para data centers em hiperescala e outros ambientes onde a hiperescala, a hiperconectividade e o hiperdesempenho são fundamentais.

Leia mais sobre como o FortiGate 4200F permite um firewall de rede ultrarrápido, segmentação interna acelerada e soluções de teletrabalho altamente escaláveis.

Saiba como a Echoenergia e a Cruz Vermelha da Nova Zelândia usaram o Fortinet Security Fabric para proteger suas redes da borda ao núcleo.

 

Deixe um comentário

Your email address will not be published.

You may use these <abbr title="HyperText Markup Language">HTML</abbr> tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Precisa de Ajuda?